Replique as máquinas virtuais do Azure em uma região secundaria para disaster recovery

O serviço Azure Site Recovery contribui para sua estratégia de continuidade de negócios e recuperação de desastres (BCDR), mantendo seus aplicativos de negócios online durante interrupções planejadas e não planejadas. O Site Recovery gerencia e orquestra a recuperação de desastres de máquinas locais e máquinas virtuais (VM) do Azure, incluindo replicação, failover e recuperação. Para manter os aplicativos essenciais Leia mais… »

Como Implantar e Configurar o Azure Firewall

O Azure Firewall é um serviço gerenciado de segurança de rede baseado em nuvem que protege seus recursos da Rede Virtual do Azure. É um firewall como um serviço totalmente dinâmico com alta disponibilidade integrada e escalabilidade de nuvem irrestrita. Você pode criar, aplicar e registrar de forma centralizada as políticas de conectividade de rede Leia mais… »

Como habilitar o nested virtualization em uma vm no Azure

O que  é nested virtualization? O nested virtualization  é um recurso que permite executar o Hyper-V em uma VM (máquina virtual) do Hyper-V. O nested  nested virtualization tem suporte em várias famílias de máquinas virtuais do Azure. Essa funcionalidade proporciona uma grande flexibilidade no suporte a cenários como ambientes de desenvolvimento, teste, treinamento e demonstração. Crie Leia mais… »

Backup VM no Azure utilizando PowerShell

O Backup do Azure fornece backups independentes e isolados para proteger contra a destruição indesejada dos dados em suas VMs. Os backups são armazenados em um cofre dos Serviços de Recuperação com gerenciamento interno de pontos de recuperação. A configuração e o dimensionamento são simples, os backups são otimizados e você pode facilmente restaurar conforme necessário. Como Leia mais… »

Como Instalar e Configurar o Terraform no Windows

O que é o Terraform? Terraform é uma ferramenta de código aberto comumente utilizada para construir, alterar e versionar uma infraestrutura de forma segura e eficiente, através de uma linguagem declarativa. A ferramenta é escrita em GoLang e teve seu primeiro release em 2014 e atualmente suporta uma grande variedade de nuvens públicas, como Google Leia mais… »